Estamos na estação mais esperada do ano, e as crianças aproveitam para brincar ao ar livre ou para se refrescar na praia ou na piscina. Alguns cuidados são importantes para garantir que esses momentos sejam apenas de diversão.

  •  Passe o protetor solar adequado 30 minutos antes da exposição ao sol

Peça orientação para seu pediatra na hora de escolher o protetor solar ideal. Para crianças com mais de 6 meses e até os dois anos, existem filtros 100% físicos, identificados como “baby” ou “mineral”. A partir dos dois anos, já podem ser usados os protetores infantis, geralmente identificados como “kids” ou “para crianças”.

Dê preferência aos protetores com FPS a partir de 30, resistentes à água, aos que não ardem nos olhos, na forma de creme e hipoalergênicos. É bom fazer um teste numa pequena área antes de espalhar no corpo todo. Não esqueça de reaplicar a cada duas horas e de usar o produto mesmo em dias nublados.

Importante: Os bebês de até seis meses de idade não devem usar protetor, pois têm a pele fina e sensível e podem apresentar reações. Nessa idade, só rápidos banhos de sol no início da manhã ou bem no fim da tarde. Para sair de casa, coloque roupas leves e de fibras naturais.

  •  Evite o excesso de sol

É importante evitar os horários de maior incidência de raios solares nocivos (UVB), entre 10 e 16 horas. O tempo prolongado e a falta de proteção podem causar insolação e até queimaduras de 1o e 2o grau. A insolação e o suor excessivo desidratam o organismo. Por isso, além de proteger a pele, para evitar a desidratação é fundamental oferecer líquido para as crianças, preferencialmente água e sucos naturais. Para os bebês, leite materno.

Mas se a criança já está desidratada, é necessário usar o soro oral, que pode ser retirado gratuitamente nos postos de saúde ou comprado na farmácia. Se optar pelo soro caseiro, cuidado na preparação para não errar na medida de sal. Bebidas isotônicas, água de coco e água pura não servem como terapia de reidratação oral. Procure um médico.

 Fontes: Sociedade Brasileira de Pediatria e Seupediatra.com